Ultimas Dicas

Recomendações técnicas para montagem do disco de freio

19/01/2012

1. Remova as pinças de freio quando necessário, (evite deixá-las suspensas pelo flexível).
Ao Retornar os pistões, abra o sangrador para expulsar o excesso de liquido concentrado na carcaça das pinças para não comprometer o funcionamento do modulador hidráulico do ABS ou do cilindro mestre.

 

2. Remova o disco de freio velho.

3. Recomenda-se lixar o cubo de roda onde será montado o disco de freio, observando que nenhuma impureza permaneça na superfície de contato com o disco (Crosta de oxidação, sujeiras ou rebarbas).
Obs.: A permanência de qualquer impureza nesta superfície compromete a montagem do conjunto provocando oscilação excessiva no disco.

4. Faça uma inspeção no cubo para verificar empenamento ou folga de rolamento utilizando um relógio comparador. (oscilação máxima – 0,05mm).
O empenamento do cubo resulta em um empenamento duas vezes maior no disco.

5. Montar o disco novo fixando-o com os parafusos ou porcas de roda, (use espaçadores se necessário).
Aplique o relogio comparador a 5mm do diâmetro superior da pista de frenagem do disco para observar a oscilação na montagem do conjunto, (ocilação máxima – 0,10mm).

Obs.: Em discos com cubo, deve-se ter cuidado na colocação das capas de rolamento, observando que fiquem bem assentadas.

 

6. Verifique os rolamentos de roda, caixa de direção, pivôs de suspensão, embuchamentos, juntas homocineticas e amortecedores; folgas ou desgastes nestes componentes poderão comprometer a eficiência do sistema de freio, fazendo o pedal de freio e volante de direção trepidar provocando um falso diagnostico.

7. Rodas e pneus devem estar calibrados, balanceados, alinhados e sem deformação.
Nunca aperte os parafusos ou porcas de rodas com ferramenta pneumática, utilize um torquimetro observando o torque de 8 a 10 kg para automóveis e 10 a 13 kg para camionetes. O aperto deve ser feito no sentido cruzando dos parafusos.

Obs.: Observe a aplicação correta ou o sentido de colocação dos anéis centralizadores em rodas de liga leve (esportivas).

8. Observe o limite maximo de desgaste permissível nas pistas de frenagem, conforme gravado nos discos. 
Efetuar a medição com auxilio de instrumento adequado.

 

9. Após montar o sistema e antes de movimentar o veiculo, acione algumas vezes o pedal de freios para assentar as pastilhas sobre as pistas de frenagem

 

10. Nos primeiros 200 km, procure evitar frenagens bruscas para o amaciamento correto das pastilhas. Com o sistema "Hipper Rápido" da Hipper Freios, o período de assentamento é reduzido consideravelmente para 100 km.

Assine nossa
Newsletter
Acompanhe as Novidades